segunda-feira, 21 de julho de 2014

Em JP, durante entrevista, Cássio promete concurso todos os anos para polícias Civil e Militar

O senador Cássio Cunha Lima, candidato da Coligação ‘A Vontade do Povo’ ao governo do Estado, anunciou na manhã desta segunda-feira que, se for eleito governador, vai fazer concurso para as polícias Civil e Militar a cada ano. Ele foi o entrevistado da Nova Tambaú FM, em João Pessoa, no programa Tambaú Debate, comandado pelos jornalistas Josival Pereira e Cláudia Carvalho. Segundo Cássio, a Paraíba vive um momento muito difícil no que se refere à segurança pública. “A segurança pública é um problema grave, mas o governo faz de conta que ele não existe, faz ‘cara de paisagem’ e é aí que mora a gravidade da situação”, lamentou o senador candidato. Em sua explanação, Cássio destacou que equipamentos – a exemplo de armamentos, munição e coletes – não existe maiores dificuldades em se comprar. “Mas não se compra policiais no mercado. Você tem de formá-los”, pontificou, ressaltando que terá atenção especial, como sempre, em relação à política de recursos humanos da área de segurança pública. Situação grave Durante a entrevista, Cássio garantiu dispor de dados que mostram uma situação muito grave na Paraíba, onde o contingente de policiais, hoje, é muito menor do que há quatro anos. “O governo passou quatro anos empurrando o problema com a barriga e, só agora, faz um concurso para a PM com apenas 600 vagas e assim mesmo em ano eleitoral”, denunciou. Cássio voltou as alfinetar o governador Ricardo Coutinho (PSB) e disse que sua gestão, em vez de ser “algodão entre cristais” é “gasolina em incêndio”, pois não investe na conciliação e sim no conflito. O senador garantiu que, se eleito, vai trabalhar para reconciliar a Paraíba e restabelecer o diálogo com todas as categorias que servem à população paraibana. “Segurança pública não se faz com propaganda, como age o atual governo, e sim com ações para trazer de volta à população o sentimento de paz e tranqüilidade”, argumentou o senador Cássio Cunha Lima, na entrevista à Rádio Tambaú. Para o senador, a população paraibana está assustada com o que está acontecendo no Estado no plano da segurança pública. “Eu tenho andado pelo Estado, tenho visitado os municípios, e escuto as queixas da população. A situação é muito grave”, alertou o senador. Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário