sexta-feira, 21 de março de 2014

Homem morre em acidente grave na Pedro II e deixa trânsito parado em JP

Chuvas, imprudência e acidentes pararam o trânsito de João Pessoa na manhã desta segunda-feira (10) e motoristas enfrentaram uma segunda de trânsito caótico. Um deles matou um motorista que havia ficado preso nas ferragens, na Avenida Pedro II, uma das principais vias da capital pessoense. De acordo com informações da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana, um veículo modelo Celta preto colidiu com um Fiat Uno vermelho por volta das 7h da manhã. Segundo o motorista do celta que não saiu ferido, ele foi trancado por outro carro e não conseguiu evitar a colisão. “Chovia muito na hora, por isso, foi difícil evitar a batida”, completou. Ainda de acordo com ele o motorista que o trancou, não prestou socorro a vítima. Durante o acidente o motorista do Fiat Uno ficou preso as ferragens, tendo múltiplas fraturas e morreu a caminho do Hospital de Trauma.Uma confusão foi instalada para quem receberia o corpo da vítima. Uma unidade do Samu que transportava a vítima, o levou diretamente para Gerência Executiva de Medicina, que não quis recebê-lo, porque não tinha nenhuma documentação. O corpo ficou por mais de 2h dentro da ambulância do Samu e só o delegado Farias, da 4ª Delegacia Distrital localizada no bairro do Cristo, Zona Sul da Capital, que conseguiu liberar o corpo da vítima. A avenida Pedro II ficou bastante interditada no sentido bairro/centro, motoristas que trafegavam na via tiveram que esperar pelo menos uma hora no trânsito para chegar ao Centro, Zona Norte de João Pessoa. Outro acidente aconteceu na Avenida Epitácio Pessoa, próximo a ladeira da avenida Tito Silva, no bairro do Miramar, Zona Leste da Capital,quando uma camionete Ford Ranger bateu num Fiat 500 e deixou o trânsito na avenida parado no sentido praia/centro. A colisão foi pequena e ninguém saiu ferido. Outro ponto de caos foi na BR-230 no sentido João Pessoa/Cabedelo, além do viaduto do Cristo, onde o transito ficou travado. Quem usa o transporte público também foi afetado. As paradas de ônibus da avenida ficaram lotadas de passageiros a espera dos coletivos, com viagens atrasadas por conta do trânsito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário