domingo, 2 de março de 2014

Criança morre afogada e três jovens saem feridos em grave acidente na madrugada de hoje

Uma criança morreu afogada nesta sexta-feira em um barreiro no município de Santana do Cariri, enquanto três jovens saíram feridos por ocasião de uma colisão entre o Fiat em que viajavam e um caminhão no final da madrugada deste sábado em Missão Velha. O acidente aconteceu por volta das 05h30min na CE-293 à altura do Sítio Carnaúba dos Vasques. A pick up strada de cor vermelha e placas MQA-0218, inscrição de Juazeiro do Norte, ficou bastante estragada. O motorista do caminhão Mercedes Benz tipo furgão de cor branca e placas OVX-1339, inscrição de Teresina (PI) e pertencente a empresa Frigotil, Francisco César, de 53 anos, estava deixando o Cariri. Ele disse aos militares da PRE (Polícia Rodoviária Estadual) que ainda tentou evitar a batida quando notou a pick up vindo na contramão de direção, mas não deu para impedir a colisão. Com o impacto da batida, o Fiat foi parar a uma distância de 40 metros do caminhão que tombou às margens da rodovia. Este era dirigido por Carlos Venturoso, de 26, residente no Sítio Barreiras em Caririaçu, que sofreu uma fratura exposta na perna esquerda. Com ele viajavam os rapazes de 18 anos identificados como Pedro Erlan, que mora no centro de Caririaçu e se feriu no rosto, e Adverton da Silva, residente no bairro Romeirão em Juazeiro que sofreu lesões nas costas e nos braços, sendo socorridos pelo GSU para o Hospital Regional do Cariri. A polícia soube que os três procediam de uma festa em Mauriti e, dentro do carro, encontraram uma caixa térmica com bebidas alcoólicas. AFOGAMENTO - Por volta das 17h30min desta sexta-feira, no Sitio Guritiba em Santana do Cariri, o corpo de Emanuel Moisés Vieira e Sousa, de 2 anos, foi encontrado por sua avó afogado em um barreiro. O pai dele, Emanuel Allan Silva de Sousa disse que, por volta das 16h30min, todos estavam na sala da residência de sua mãe vendo TV quando a mesma notou a ausência do neto e saiu à procura. Não demorou a ver o corpo boiando em um barreiro quando gritou pedindo ajuda. O pai correu até lá e se atirou no manancial recolhendo o filho e levando-o ao hospital, mas este já tinha falecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário