quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Polícia já tem suspeito de roubar celular e divulgar foto íntima de Carol Portaluppi

A polícia do Rio de Janeiro já trabalha com um nome suspeito de roubar o celular da modelo Carolina Portaluppi, filha do técnico e ex-jogador de futebol Renato Gaúcho. A informação foi divulgada nesta terça-feira (10), pelo advogado da vítima, Ricardo Brajterman, ao site Ego. No aparelho, estavam fotos íntimas da jovem de 19 anos, publicadas na internet na madrugada desta segunda-feira (9). De acordo com o defensor, os investigadores tiveram acesso aos vídeos feitos pelas câmeras de segurança da região do crime. "Foram cometidos dois delitos: o roubo do aparelho e a divulgação das fotos íntimas, sem o consentimento da Carolina. No primeiro caso, a polícia já está agindo e já tem um suspeito, que possivelmente foi quem divulgou as imagens", explicou, ao confirmar que as imagens veiculadas, entre elas uma em que a moça aparece completamente nua, com uma caneca na mão e um curativo nos seios, são mesmo de Carol. "São fotos íntimas, tiradas em um ambiente familiar, dentro de casa, de uma jovem que havia acabado de fazer uma cirurgia, e infelizmente o aparelho foi furtado", contou. Em entrevista à Revista Quem, Brajterman informou que o Ministério Público irá avaliar se a ocorrência requer o uso da Lei Carolina Dieckmann, que prevê uma pena de um a três anos em regime fechado, além de multa .LINKhttp://www.mallandrinhas.net/2013/12/post-especial-vaza-suposta-foto-da-carol-portaluppi-nua.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário