segunda-feira, 4 de novembro de 2013

O morto vivo: homem visita o próprio túmulo neste dia de finados em Belém/PB

O caso inusitado foi registrado no último sábado (02), no Cemitério São Pedro, na cidade de Belém, na região do Brejo paraibano. José Lupercio Bezerra dos Santos, 50 anos de idade, mais conhecido como Naldo, residente no centro de Belém, construiu o próprio túmulo, colocou a sua fotografia no mesmo e à noite, todo vestido de preto, foi para o cemitério, onde ficou sentado ao lado da sua catacumba. A todo instante as pessoas se aproximavam e ao perceber que o homem ao lado do túmulo e o da foto eram a mesma pessoa, logo tomavam um susto e saiam de fininho. O caso foi tomando repercussão e a nossa equipe foi até lá para conferir de perto. Chegando ao cemitério, logo nos deparamos com Seu Severino, coveiro, responsável pela escavação do túmulo de Naldo. Em entrevista à nossa equipe, ele disse que Naldo sempre vai ao cemitério para saber se a sua sepultura está sendo bem cuidada. Seu Severino disse ainda que não fez nada mais do que a sua obrigação e que está pronto para enterrar Naldo, se ele morrer primeiro. Em seguida nós também fomos até a casa do “morto vivo” para saber por que ele teve tal iniciativa. Numa conversa bastante descontraída, Naldo nos contou que gosta de se preparar para tudo e que o túmulo foi construído a pelo menos nove meses. Em off, ele disse que ao morrer quer ser levado até o cemitério no caixão, mas prefere ser colocado dentro da sepultura sem caixão e apenas com a roupa do corpo. por: portalmidia

Nenhum comentário:

Postar um comentário