quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

BELÉM-PB. Locutor comete suicídio por envenenamento e deixa inscritos

Edilson Rodrigues da Silva, de 38 anos de idade, que residia na Rua Nossa Senhora da Conceição, cometeu suicídio na tarde desta quarta-feira (03). De acordo com informações repassadas por conhecidos da vítima, comprimidos usados para combater fungos em feijão, teriam sido ingeridos por Edilson que, chegou a ser socorrido para o Hospital Regional de Guarabira, onde não resistiu e veio a óbito. Edilson era locutor de carro de som, responsável por publicidades em várias cidades da região do curimataú e brejo paraibano. Edilson ainda trabalhava com teatro e outras atividades artísticas. Para Belém e região foi uma grande perca. Não se sabe o que teria provocado o suicídio, mas palavras deixadas por Edilson, dão um ideia de que havia uma frustração em sua vida. Veja trechos dos inscritos encontrados pela família. "... Fiz a coisa certa DEUS só existe para os ricos." "... Amigos não existe e eu nunca fui nada." "... Lutei para vencer, nunca consegui." "... Eu não sou ninguém." A vítima que tentou suicídio em 2012, ainda deixou as iniciais - C e W - de duas pessoas que, segundo ele, eram falsas. As frases foram deixadas em duas folhas. Por Júnior Campos

Nenhum comentário:

Postar um comentário