sábado, 26 de janeiro de 2013

Aviões que atiram lasers serão testados nos Estados Unidos em 2014

Dois modelos de disparadores podem ser usados para abater mísseis e danificar veículos.
Parece o início de um filme de ficção científica, mas é o fruto de uma nova parceria entre a DARPA, fabricantes especializadas e o governo dos Estados Unidos: em um futuro próximo, com testes previstos para começarem em 2014, a Marinha e as Forças Armadas do país vão adicionar raios laser ao arsenal de seus veículos. O primeiro protótipo é o Hellads, da General Atomics, um laser instalado em aeronaves táticas capaz de disparar um feixe de 150 kW capaz de abater foguetes inimigos e danificar aviões que estejam invadindo o território norte-americano. Ele já foi fabricado e pode começar a ser testado no próximo ano. A alternativa é criação da Lockheed Martin: o Aero-Adaptive/Aero-Optic Beam Control. Essa arma de lasers ainda precisa passar por alguns testes, já que o motor da aeronave causava muita turbulência. Quando as empresas forem capazes de eliminar os efeitos colaterais dos tiros, jatos de alta velocidade devem receber o tal equipamento para dar os primeiros disparos também em 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário