terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Jovem é brutalmente espancado em Patos e família pede justiça.

A família do jovem Thauan Maciel Marte, de 21 anos, que foi brutalmente espancado na madrugada do último, (09), em frente ao Hospital Regional de Patos, procurou a redação do maispatos.com para fazer uma denúncia sobre o caso. De acordo com a família, o agressor foi um amigo da vítima, que de acordo com informações de terceiros, já responde processo na justiça. Segundo a família, ao tentar separar uma briga, Thauan foi espancado por um amigo, onde com um capacete, lhe deferiu várias pancadas na região da cabeça e da face. Thauan foi socorrido para o Hospital Regional de Patos e encaminhado para a cidade de Campina Grande, onde encontra-se em estado grave. A família, revoltada com o fato do agressor estar em liberdade, enviou a seguinte nota para a nossa redação: O Caso Marte Quando se ler o título pode-se pensar que falaríamos das belezas e incógnitas do planeta Marte, mas infelizmente não se trata disso e sim de mais um caso de violência sem freio e sem punição na Cidade de Patos. Na madrugada do Domingo (09/12) um jovem de 21 anos, de nome Thauan Maciel Marte foi brutalmente e covardemente espancado, enfrente ao Hospital Regional de Patos, pelo indivíduo de nome Marlon Nóbrega de 20 anos, que segundo terceiros já responde a processo policial. Este último após deferir inúmeras pancadas, com o capacete da própria vítima, na face e cabeça do Thauan, covardemente pois, o mesmo já se encontrava no chão após queda de moto, quando fugia de seu agressor, ainda se fez passar por parente da vítima, ao tentar adentrar ao Hospital após a vítima ser socorrida; por sorte do Tahuan e da sua família, os servidores do HRJC não cederam a sua insistência e mentiras. Uma questão para reflexão das autoridades, o agressor queria se certificar da morte do jovem ou concluir o serviço? Então, para qualquer que seja a resposta tem-se outra pergunta por que o agressor já se encontra em liberdade; enquanto a vítima com a face destruída (confiram as fotos que a família faz questão de publicizar, como alerta a outras famílias!), em sedação profunda, devido a complicações, luta pela vida no Hospital de Trauma em Campina Grande? Uma questão para reflexão das famílias de Patos, em especial para a família do agressor, de onde vem tanta ira, pois como podem ver nas fotos a violência foi tamanha, na verdade uma atrocidade, então, de onde vem tanta violência? Existe explicação para tanta maldade? E pasmem, o agressor se dizia colega da vítima e de seu irmão, então, o que explicaria tanta ira, tanta maldade? A família do Thauan têm um patriarca que a cidade conhece como Bau do Belo Horizonte (Genival Maciel) um idoso com saúde comprometida e que encontra-se, assim como toda a família, inconsolável e indignado, com o ocorrido com seu neto querido e amado, pois quem conhece essa família sabe quão numerosa ela é como se amam e amam os amigos e ao próximo. Por isso, que juntos clamam por justiça! Que ela não seja cega, apenas justa! Toda a família e amigos pedem a Deus saúde para Thauan e uma justiça real para o caso! É justo um lutando para viver, em leito de UTI, com a face destruída e afundamento de crânio e o outro em plena liberdade, passeando pelas ruas de Patos, como se nada tivesse ocorrido? A espera talvez de uma próxima vítima... A família têm certeza da justiça de Deus, mas espera a justiça dos homens!

Nenhum comentário:

Postar um comentário